Celebração da Paixão do Senhor
Por Canção Nova   
18 de abril de 2014

Foto: O Papa Francisco presidiu a Celebração da Paixão do Senhor na Basílica Vaticana em Roma, nesta sexta-feira santa, 18. Neste dia não se celebra missa, tem-se a adoração à Santa Cruz.
Ao entrar na Basílica, Francisco prostrou-se no chão em silêncio. Após uma breve oração, feita pelo Papa, deu-se inicio a Liturgia da Palavra. A primeira leitura foi retirada do livro do profeta Isaías, logo em seguida o Salmo 101 foi meditado. A segunda leitura foi extraída do livro dos Hebreus e a História da Paixão de Jesus foi narrada segundo o evangelho de São João.
O pregador da Casa Pontifícia, Padre Raniero Cantalamessa, fez a homilia da celebração e baseou sua reflexão na figura de Judas. Cantalamessa explicou que Judas traiu Jesus por dinheiro, e destacou como os homens de hoje fazem o mesmo.

O Papa Francisco presidiu a Celebração da Paixão do Senhor na Basílica Vaticana em Roma, nesta sexta-feira santa, 18. Neste dia não se celebra missa, tem-se a adoração à Santa Cruz.
Ao entrar na Basílica, Francisco prostrou-se no chão em silêncio. Após uma breve oração, feita pelo Papa, deu-se inicio a Liturgia da Palavra. A primeira leitura foi retirada do livro do profeta Isaías, logo em seguida o Salmo 101 foi meditado. A segunda leitura foi extraída do livro dos Hebreus e a História da Paixão de Jesus foi narrada segundo o evangelho de São João.
O pregador da Casa Pontifícia, Padre Raniero Cantalamessa, fez a homilia da celebração e baseou sua reflexão na figura de Judas. Cantalamessa explicou que Judas traiu Jesus por dinheiro, e destacou como os homens de hoje fazem o mesmo.“Quem é, objetivamente, se não subjetivamente (ou seja, nos fatos, não nas intenções), o verdadeiro inimigo, o rival de Deus, neste mundo? Satanás? Mas nenhum homem decide servir, sem motivo, a Satanás. Se o faz, é porque acredita que vai ter algum poder ou algum benefício temporal. Quem é, nos fatos, o outro patrão, o anti-Deus, Jesus no-lo diz claramente: “Ninguém pode servir a dois senhores: não podeis servir a Deus e a Mamona” (Mt 6, 24). O dinheiro é o “deus visível”, em oposição ao verdadeiro Deus que é invisível.”
O frei capuchinho explicou que a fé, a esperança e a caridade deixam de ser colocadas em Deus e passam a ser colocadas no dinheiro. “Ocorre uma sinistra inversão de todos os valores. “Tudo é possível ao que crê”, diz a Escritura (Mc 9, 23); mas o mundo diz: “Tudo é possível para quem tem dinheiro”. E, em certo sentido, todos os fatos parecem dar-lhe razão.”

Leia mais...
 
Programação Semana Santa 2014
Por Coord.Site Alexandre   
18 de abril de 2014

Participe da Programação da Semana Santa na Arquidiocese de Cuiabá.

Clique aqui e conheça a Programação nas Paróquias.

OBS: Algumas Paróquias ainda  não enviaram a programação.

 
Quinta Feira Santa (Missa Crismal)
Por Coord.Site Alexandre   
17 de abril de 2014

   

Nesta quinta feira Santa às 09h00 na Catedral Basílica do Senhor Bom Jesus de Cuiabá foi celebrada a Santa Missa Crismal, presidida pelo nosso Arcebispo Metropolitano de Cuiabá Dom Milton Santos,sdb, concelebrada por Dom Bonifácio (Arcebispo Emérito),pelo Cura da Catedral Pe. Edmilto, pelos Reitores,Párocos e Vigários da Arquidiocese (70 sacerdotes presentes).A Santa Missa estava completamente lotada de fiéis.Neste dia também todos os presbíteros renovam publicamente as suas promessas sacerdotais

Clique aqui e confira algumas fotos.

Clique aqui e confira a HOMILIA de Dom Milton Santos,sdb

Leia mais...
 
<< Início < Anterior 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 Próximo > Fim >>

Resultados 1 - 4 de 1249

Destaques

Enquete

Você reza a Liturgia das horas?
 

Galeria de Fotos